COMERCIANTES ESTIMAM CRESCIMENTO DE 12% NAS VENDAS DE MATERIAL ESCOLAR

Papelarias fazem promoções e, apesar de terem estoques, alertam que quem compra antes terá maior variedade de produtos disponível
A duas semanas do início do ano letivo 2024, muitos pais ainda não realizaram a compra do material escolar para seus filhos. Com o pagamento do salário do serviço público municipal e estadual esta semana, o movimento nas papelarias deve aumentar, segundo o presidente do SIMPER- Sindicato das Empresas Revendedoras de Materiais de Papelaria e Desenho do Estado de Rondônia, Leonardo Calixto.
“O ideal era que as compras fossem antecipadas, pois as papelarias estão com grandes estoques e muitas promoções. Mas, o consumidor pode ficar tranquilo porque os estabelecimentos estão preparados para atender toda a demanda, pois se prepararam durante o ano de 2023 adquirindo estoques, fazendo treinamento e até contratação de trabalhadores temporários, em alguns casos”, disse. Entre os empresários, uma sondagem feita pela Fecomércio/RO estima um aumento das vendas de 12%
O movimento na maioria das papelarias tem sido intenso nas últimas semanas, segundo a empresária Lúcia Xavier, empresária do segmento de papelaria. “Boa parte dos pais resolveram antecipar as compras e aproveitaram as promoções que irão durar até o fim do estoque. Este ano, investimos não apenas em estoques de material básico – caneta, lápis, caderno, massa de modelar e lápis de cor, exemplo – mas também na qualificação dos nossos funcionários”, disse. De acordo com a empresária, somente para este período de 45 dias, a papelaria contratou 10 trabalhadores temporários para melhorar o atendimento. Além da contratação, a papelaria também tem se reinventado ano após ano para garantir sua permanência no mercado. “Nossa papelaria possui 30 anos e para se manter forte temos investido em inovação de produtos diferenciados, sempre primando pela qualidade e preço bom”, completou a empresária.
PREÇO BAIXO E DICAS
Quem resolveu antecipar as compras do material escolar e aprovou as promoções foi a professora Gláucia Rocha, que é de Imperatriz (MA) e está de férias em Porto Velho. “Resolvi levar daqui o material escolar que é muito mais barato do que na minha cidade. Volto dia 28 (de janeiro) para casa, e dia 29 as aulas recomeçam. Vim à papelaria atraída justamente pelas promoções”, comentou Gláucia, que estava acompanhada do filho Murilo e do sobrinho, Lucas.
O SIMPER, como forma de orientar os pais na hora de adquirir o material escolar de seus filhos, sempre dá algumas orientações que todos os anos fazem uma grande diferença no bolso do consumidor. Confira as dicas: Pesquisar bem antes de comprar, experimentar marcas diferentes (conhecer marcas que não costumam usar, e ver se elas têm boa qualidade), ficar de olho nas promoções (aproveitar as promoções que duram pouco tempo, e que podem ajudar a economizar), planejar as compras (fazer uma lista do que precisa, e seguir o orçamento).Seguindo essas instruções, é possível comprar os materiais escolares sem estresse e sem gastar muito.

Deixe seu coméntário
Tags: No tags